Logotipo do site Cultivando
O site verde mais simples e completo do Brasil
   

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

escolha uma seção  


 

 

 

Por que são usados agrotóxicos?
Entenda os motivos que levam ao uso dos agrotóxicos na agricultura e seus problemas.

Quando compramos nossos alimentos nos supermercados não imaginamos todo o longo processo de produção dos mesmos. Se você acredita na idéia de que para produzir vegetais, basta plantar, esperar, colher e lucrar... Esqueça, isso é pura ilusão! Explicaremos neste artigo o que motiva os agricultores a usar aplicar agrotóxicos e tudo o que você precisa saber para ficar por dentro do assunto.

Agrotóxicos são produtos utilizados na agricultura para controlar insetos, doenças, ou plantas daninhas que causam danos às plantações. Os agrotóxicos também podem ser chamados de defensivos agrícolas ou agroquímicos, mas apesar dos diferentes nomes, todos possuem o mesmo significado.

Os insetos e as doenças
Naturalmente, insetos e doenças atacam as plantas cultivadas, a fim de obter alimento para sua sobrevivência e proliferação. O grande problema é que o crescimento da população dos mesmos é geralmente muito grande, podendo gerar danos irreversíveis à lavoura, causando perdas de qualidade e segurança alimentar dos produtos agrícolas, bem como grande redução na quantidade produzida.

Insetos

O mercado não aceita grãos, frutas ou legumes severamente atacados por fungos ou bactérias, que além de possuir características indesejáveis de sabor e visual, também podem gerar sérias intoxicações alimentares. Ao mesmo tempo, no campo, o fazendeiro não consegue sobreviver se a sua lavoura não produzir o suficiente para cobrir as suas despesas com adubos, terras, mão-de-obra, tratores, transporte etc.

As plantas indesejáveis
Quando o feijão é plantado, não só as sementes de feijão germinam, mas várias outras sementes de outras plantas que ficaram no solo também germinarão. Essas plantas são chamadas de plantas daninhas, e competem com o que plantamos, absorvendo os nutrientes dos adubos aplicados, a água da irrigação, e a luz para a fotossíntese. Nessa competição, em geral quem perde é justamente o que foi plantado. Se deixadas, as plantas daninhas causam grandes perdas na produção que podem chegar a até 90%. Além disso, a colheita pode ficar mais cara, demorada, e gerar misturas de sementes indesejáveis nos grãos, podendo torná-los impróprios ao consumo humano ou animal.

Emabalagens de Agrotóxicos

De modo simplificado, separamos os agrotóxicos em 3 grupos:

  • Inseticidas: Destinados ao controle de insetos, ácaros, nematóides e moluscos.
  • Fungicidas: Usados no controle de doenças causadas por fungos, bactérias e vírus.
  • Herbicidas: Destinados ao controle de plantas daninhas.

* Em algumas situações podemos dividir os produtos em mais grupos, mas para este artigo, preferimos separar somente nestes 3 grupos.

À medida que a população cresce, e a agricultura começa a produzir em maior quantidade, os plantios começam a ficar mais densos, e as plantas ficam cada vez mais próximas umas das outras. Do mesmo modo que as doenças se manifestam em maior intensidade onde há aglomerados de pessoas, as pragas e doenças agrícolas também se espalham mais fácil em grandes aglomerados de plantas. Sendo assim, com o aumento da população mundial, não só houve aumento na incidência de doenças humanas, mas também na incidência de doenças de plantas.

Só para termos uma idéia do aumento da população, vamos analisar os últimos anos. Nos últimos 50 anos, a população mundial mais do que dobrou de tamanho, saltando dos 3 bilhões em 1960 para quase 7 bilhões em 2011, segundo o Banco Mundial.

Utilizar agrotóxicos não é simplesmente uma questão de opção. Na grande maioria das vezes, o seu uso é necessário e por vezes indispensável para manter a produção de alimentos nos níveis necessários. O uso de agrotóxicos no Brasil hoje é extremamente controlado e fortemente regulamentado por leis específicas, de modo que, quando usados corretamente, eles não representam qualquer risco para a saúde humana ou animal.

 

 

 

 

 

 

 

Cultivando Website - All Rights Reserved- Copyright © - 2010/2020