Violeta-africana (Saintpaulia ionantha)

Violeta

Nome popular: Violeta; Violeta-africana.
Nome científico:
Saintpaulia ionantha.
Família: Gesneriaceae.
Origem: África Tropical.

A violeta é uma planta muito popular em todo o Brasil, tendo ela passado por um longo período de melhoramento genético e hibridações, que geraram em torno de 18 espécies e 6 mil variedades. Existem flores de várias cores, como brancas, róseas, roxas ou bicolores. O florescimento é contínuo o ano todo.

A violeta é uma planta herbácea perene, de 15 a 20 cm de altura, com folhas aveludadas, carnosas, frágeis e bastante ornamentais. Devido ao seu pequeno porte, ela ocupa muito pouco espaço.

Como cuidar: As violetas-africanas crescem melhor em ambientes com temperaturas medianas (em torno dos 25 graus), e baixa umidade do ar. Mantenha as violetas em um local com bastante luz indireta, mas sem sol direto, pois elas são sensíveis. Costuma ir muito bem quando deixada próxima a janelas.

Por ser uma planta de origem tropical, não tolera baixas temperaturas e geadas.

Os vasos devem ser ricos em matéria orgânica, com excelente drenagem, evitando-se qualquer excesso de umidade, o que poderia levar ao apodrecimento da planta. Evite também molhar as folhas das violetas, pois elas podem vir a apodrecer. Procure molhar somente a terra, ou regar somente através do “pratinho”.

Como reproduzir: É multiplicada principalmente por meio de estaquia, enterrando-se a base de uma folha. Novas plantas levarão de 2 a 6 meses para surgir.

Facebook
Whatsapp
Google+
Twitter
Follow by Email