Manchas escuras nas folhas de orquídeas. O que pode ser?

É comum vermos algumas orquídeas com parte das folhas com manchas escuras ou claras grandes, que estão normalmente envolvidas por manchas mais claras. Normalmente essas manchas grandes são consequência do sol direto em excesso, ou do calor excessivo.

Folhas apresentando queimaduras grandes. As manchas podem também ser menores.

Por que as folhas queimam?
O que acontece é que o sol em excesso aquece demais as folhas, e fazem a planta “transpirar” demais com a evaporação da água de suas folhas. Se ela está transpirando mais do que está chegando nas folhas, a parte tende a morrer e secar.

Devo remover as folhas queimadas?
Em geral, as folhas queimadas ficam só com uma parte morta, e o restante da folha continua a fazer fotossíntese, alimentando a planta. Nesse caso, é melhor deixar a folha para que ela possa se recuperar, pois o dano não irá “contagiar” as outras partes da planta. O importante é observar se a parte afetada não está começando a apodrecer, o que a deixaria com um aspecto melado. Se ela apodrecer, você deve remover a folha para que ela não contamine as demais.

O que fazer para evitar novas queimaduras?
É normal que uma folha seja mais sensível que as demais, e eventualmente uma delas poderá apresentar uma queimadura, sem que isso signifique que há sol demais para as suas orquídeas. No entanto, se as queimaduras forem generalizadas, e a planta apresentar coloração amarelada, recomenda-se que você mova aos poucos a sua orquídea para locais um pouco mais protegidos do sol direto.

Folhas com queimaduras menores, mas com amarelamento das folhas.

Vale lembrar que você não deve deixar nunca as orquídeas em ambientes escuros. O ideal é manter em locais com luz difusa, ou seja, com com luz abundante, mas indireta.

Facebook
Whatsapp
Google+
Twitter
Follow by Email