Hortênsia (Hydrangea macrophylla)

hortensiaCom flores muito chamativas na maioria de cor azulada, as hortênsias são originárias da China e Japão, mas se adaptaram muito bem em locais com climas mais amenos do Brasil, como a região sul e regiões montanhosas. Em regiões mais quentes e secas, são vendidas em vasos já floridas, mas geralmente não voltam a florescer. As plantas quando estão no solo chegam a ficar com 1 a 2,5 metros de altura, e suas flores ficam parecendo buquês de noivas.

Uma curiosidade é que a cor das suas flores é muito influenciada pela acidez e concentração de alumínio no solo, o que torna a flor mais azulada ou mais arroxeada. No Brasil, como os solos são naturalmente mais ácidos, as flores absorvem mais alumínio e a cor predominante é a azul.

Podemos cultivar as hortênsias tanto diretamente no solo quanto em vasos, sendo que nos dois casos a terra precisa ser bastante fértil, com bastante matéria orgânica, e bem drenado. De preferência as plantas devem ficar sob sol pleno, onde há sol o dia todo, mas ela tolera ambientes com meia-sombra. Devemos regar sempre que o solo estiver levemente seco, mantendo a terra sempre úmida. No fim do inverno, poda-se de forma drástica os arbustos, deixando somente a base dos caules, fazendo com que novas folhas e flores surjam nas próximas estações.

As flores também podem ser colhidas quando estiverem começando a secar, e se as deixamos penduradas de ponta cabeça, tornam-se um ornamento que dura o ano todo.

É fácil multiplicar as hortênsias por meio de estacas feitas com ramos retirados durante o verão.

Facebook
Whatsapp
Google+
Twitter
Follow by Email