Flor-de-maio – Schumbergera truncata

Flor-de-maio

Nome popular: Flor-de-maio; Flor-de-seda.
Nome científico:
Schlumbergera truncata (Haw.)
Família: Cactaceae.
Origem: Brasil

A flor-de-maio é um dos cactos mais cultivados em todo o mundo, devido à beleza exuberante de suas flores, facilidade de cultivo e ausência de espinhos.

É uma planta herbácea, epífita, com 30 a 60 cm de altura. O caule é formado por artículos suculentos, que não possuem espinhos.

Suas flores aparecem nas extremidades dos artículos, podendo ser amareladas, róseas, vermelhas ou brancas, formando-se no período do outono-inverno. Suas flores são bastante visitadas por beija-flores.

Como cuidar: A flor-de-maio se desenvolve bem quando plantada à meia-sombra, em ambientes com boa iluminação. Ele cresce melhor em locais com altas temperaturas, e tolera baixa umidade do ar (abaixo de 30%). Ela é comumente cultivada em vasos, como planta pendente, em terra com boa drenagem e boa fertilidade.

Evite a rega excessiva, que pode gerar a podridão das raízes. Regue novamente somente quando a terra já estiver seca, aumentando um pouco as regas no período do outono, o que ajuda na floração.

Como reproduzir: Multiplica-se por sementes, mas comercialmente é multiplicada por meio de estacas e enxertia dos artículos em porta-enxertos apropriados, principalmente Hylocereus undatus (flor-da-noite).

Facebook
Whatsapp
Google+
Twitter
Follow by Email