Como dividir orquídeas?

Em geral a multiplicação das orquídeas é muito fácil, basta seguir o nosso roteiro.

Muda separada de orquídea com 3 pseusobulbos.

Comercialmente são normalmente reproduzidas por sementes ou por micropropagação (técnica de laboratório), mas no cultivo caseiro o método mais utilizado é a divisão de plantas adultas (ou divisão de rizoma). A divisão de rizomas é a técnica mais fácil e acessível de multiplicação de orquídeas, já que as duas outras técnicas exigem maior nível de tecnologia e especialização, se tornando inviáveis para cultivos domésticos.

Já está na hora de dividir a minha orquídea?
Por via de regras, para a separação de rizomas ser feita de forma segura, a planta deve possuir ao menos 6 pseudobulbos (caules). Cada nova planta deverá possuir inicialmente, ao menos 3 pseudobulbos para ter maior garantia de sobrevivência. O melhor momento para dividi-las é quando estão emitindo novos brotos. Mas vale lembrar que a divisão da orquídea é opcional, não essencial.

Passo-a-passo para a dividir sua orquídea:

  1. Retire a planta do vaso original, tirando o substrato antigo das raízes e lavando-as em água corrente, retirando as partes mortas com os dedos.
  2. Com uma faca (de preferência esterilizada no fogo), separe as plantas em mudas de 3 ou mais pseudobulbos, cortando seu rizoma
  3. Plante as novas mudas em vasos com os substratos adequados, conforme o procedimento explicado em como plantar orquídeas (veja o nosso guia clicando aqui).
Facebook
Whatsapp
Google+
Twitter
Follow by Email